Norma de estruturas de aço em situação de incêndio entra em vigor.

Atualização da norma incluiu procedimentos para obtenção dos esforços solicitantes e esforços resistentes de cálculo, além de critérios para evitar o colapso estrutural e prejudicar a fuga dos usuários da edificação

 

Rodrigo Louzas

Entra em vigor no dia 14 de setembro a nova NBR 14323 – Projeto de estruturas de aço e de estruturas mistas de aço e concreto de edifícios em situação de incêndio. A norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) estabelece os requisitos de resistência ao fogo para estruturas, com base no método dos estados-limites. O texto da normativa antiga era de 1999.

 

De acordo com o secretário da comissão de estudos que coordenou a revisão, Ricardo Hallal Fakury, a nova normativa traz modificações em relação aos métodos e procedimentos para obtenção dos esforços solicitantes e esforços resistentes de cálculo. Além disso, a NBR 14323 passou a incluir em seu texto o dimensionamento de perfis formados a frio.

i395460

Fakury ainda destaca que a norma deve evitar o colapso estrutural em condições que prejudiquem a fuga dos usuários da edificação e, quando for o caso, evitar soluções que prejudiquem a aproximação e o ingresso de pessoas e equipamentos para as ações de combate ao fogo.

A NBR 14323 está disponível para compra no site da ABNT.

Fonte: PiniWeb